Jucepa promove Fórum Intermunicipal sobre o Redesim

 Jucepa promove Fórum Intermunicipal sobre o Redesim
Ter a possibilidade de sair do desemprego ou formalizar uma ideia de empreendimento é a chance que muitos procuram para superar a crise e melhorar a renda familiar. Para auxiliar neste objetivo, o CredCidadão, programa de microcrédito do Governo do Estado

A Junta Comercial do Pará (Jucepa) promove nesta quarta-feira, dia 5 de abril, das 9h às 12h, em Castanhal, o primeiro de uma série de cinco fóruns intermunicipais para promover a implantação do Integrador Pará/Redesim em todo o estado. Voltado para prefeituras, secretarias municipais, contadores, empreendedores, estudantes e demais profissionais com interesse no registro mercantil, o Fórum Intermunicipal Integrador Pará está com inscrições abertas no site da instituição (www.jucepa.pa.gov.br)
Além do Fórum em Castanhal, que vai atender os municípios da região metropolitana de Belém e da região do Marajó, estão previstos também eventos em Paragominas (nordeste), Parauapebas (sudeste), Altamira (sudoeste) e Santarém (Baixo Amazonas). “Precisamos estar onde são necessários os serviços da Jucepa. Hoje, mais do que nunca, se faz necessária a integração com os municípios e, por este motivo, estamos indo ao interior para apresentar o Integrador Pará e o que esse sistema traz de benefícios para os empreendedores e, com isso, além de fomentar a economia, reduzir as desigualdades sociais nos municípios”, destaca a presidente da Jucepa, Cilene Sabino.
Criada para simplificar os procedimentos de abertura, alteração e baixa empresarial, a Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios é implantada no estado por meio do sistema Integrador Pará, que incorpora todas as etapas de abertura, alteração e baixa de empresas, mas que para isso precisa não só da adesão de órgãos como Corpo de Bombeiros, Secretarias de Fazenda e de Meio Ambiente e Vigilância Sanitária, como das prefeituras, que só têm a ganhar com a adesão. “Quando a prefeitura firma convênio com a Jucepa a arrecadação aumenta exponencialmente, já que a desburocratização favorece o ambiente de negócios. Isso é muito importante para o desenvolvimento econômico do Estado, pois ajuda a gerar mais empregos formais e reduz as desigualdades sociais”, enfatiza a presidente.
Com 20 municípios integrados e pelo menos outras sete cidades em via de assinar o convênio para a implantação da Redesim/Integrador Pará, o Estado ocupa hoje a 9ª posição no ranking nacional da Rede, divulgado pela Receita Federal do Brasil. Com a realização do Fórum, a intenção é não apenas melhorar a colocação nesse ranking, mas, principalmente, a qualidade do serviço prestado pela Junta Comercial do Pará em todo o estado. “Nosso objetivo é atingir a excelência e satisfação total dos usuários dos serviços da Jucepa e, como consequência, é claro, o primeiro lugar no ranking. Mas para isso se faz necessária a adesão dos demais atores responsáveis pelo licenciamento e autorização de funcionamento dos empreendimentos”, explica Cilene, destacando a iniciativa do governo do Estado com a publicação do decreto nº 1.628/2016, que instituiu o Integrador Pará e dispõe sobre as regras para simplificação do processo de abertura, alteração e baixa de empresas no estado.
Reportagem: Anna Peres – Agência Pará

Deo Martins

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.