No Pará, dois presos são mortos por mês em média

 No Pará, dois presos são mortos por mês em média

Foto: divulgação

O ataque ocorrido em um presídio de Manaus, que deixou 60 mortos no início do ano, chocou o país mostrando a insegurança dentro da prisões do país. E os dados são preocupantes: em média, um preso é assassinado a cada dia no país. E o Pará é o quarto Estado com maior índice de mortes em prisões, com 24 casos em 2016, uma média de dois por mês.
Os dados são de um levantamento realizado pelo jornal Folha de S. Paulo. De acordo com a pesquisa, o país registrou 372 homicídios dentro de prisões no ano passado. O local com o maior número de ocorrências foi o Ceará, com 48 mortes, seguido de Pernambuco (43), Rio Grande do Norte (31), e Pará.
O segundo estado da Região Norte com o maior número de ocorrências foi Roraima, com 18 assassinatos em 2016. O Amazonas aparece em 12° lugar, com 10 mortes.
Ainda de acordo com o levantamento, a população carcerária do país está acima de 600 mil detentos, e que a taxa de homicídios nas prisões é de 58 para cada 100 mil pessoas, marca superior ao índice de homicídios do Estado de Sergipe, o mais violento do Brasil em homicídios dolosos.

Reportagem: Folha de São Paulo

Deo Martins

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *