Irmãos são presos em flagrante com som roubado

 Irmãos são presos em flagrante com som roubado

O Gupo Tático de Parauapebas, (GTO), prendeu na noite da última terça-feira, (26) e apresentou na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civel em Parauapebas, os irmãos Wesley da Silva Brandão, 20 anos de idade e Jorge André da Silva Brandão, 24 anos por furto.

De acordo com o Sargento PM Mendonça, sua guarnição realizava uma ronda quando foi acionada via (CCO) – Centro de Controle Operacional, sobre um tumulto que estaria acontecendo no bairro Beira Rio, nas proximidades da Câmara Municipal.

Chegando ao local, os policiais avistaram dois homens que estavam sendo mantidos presos por populares ao serem flagrados furtando vários equipamentos de som profissional em um galpão.

Segundo as informações da Polícia Militar, os acusados já vinham frequentando o local desde a noite anterior. O proprietário do galpão, Cosmo Neres  percebeu o arrombamento e constatou que foram levados pelos irmãos caixas de som, microfones, potências de som entre outros equipamentos, que segundo Cosmo, estariam avaliados em trinta mil reais.

Além dos dois irmãos, o comerciante de pré-nome Antônio, vulgo “Buriti”, também recebeu voz de prisão por ser o dono do automóvel Fiat Pálio preto, placa HPF 1933 que estava no local com os objetos furtados.

Ao saber que os irmãos tinham sido presos, “Buriti” se deslocou até a delegacia alegando que havia emprestado o carro para os dois irmãos e que não sabia que o mesmo seria usado para o roubo, mas os policiais não ficaram convencidos da explicação e deu voz de prisão para que o mesmo esclareça os fatos para o delegado José Aquino.

Tanto Wesley quanto Jorge alegam que são inocentes e afirmam que não sabiam que o galpão e os objetos era de propriedade de Cosmo Neres. Disseram ainda que estavam alí, a serviço de um homem que segundo eles é conhecido como “Negão”, e que o mesmo fugiu do local quando os irmãos foram pegos pela polícia.

Reportagem e fotos: Caetano Silva

Deo Martins

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.