AICOP emite nota de solidariedade ao Dr. Líbio Moura

Em decorrência de calúnias que vêm sendo veiculadas nas redes sociais por acusados em processo na Justiça de Parauapebas contra o juiz Líbio Araujo Moura, titular da 1ª Vara Criminal da Comarca de Parauapebas e vice-presidente da Associação dos Magistrados do Estado do Pará (Amepa), a Associação de Imprensa e Comunicação de Parauapebas (Aicop), por meio de sua presidente, vem externar irrestrito apoio e solidariedade ao magistrado.

A Aicop, entidade que congrega profissionais de imprensa que militam neste município, reconhece Líbio Moura como uma autoridade de ilibada conduta que vem moralizando a cidade, colocando na cadeia criminosos que atentam contra a vida de pessoas e se envolvem em corrupção.

Nos últimos dias o magistrado vem sendo atacado por graves imputações, funcionais e em sua vida privada, por pessoas acusadas em processos criminais que tramitam na comarca de Parauapebas desde fevereiro deste ano.

Um dos casos que mais geraram protesto de eventuais acusados foi a prisão de pessoas envolvidas no assassinato de um advogado no município, entre estes um oficial da Polícia Militar e uma advogada.

Por causa dessas calúnias e perseguições, Líbio Moura vem sendo acompanhado pela Comissão de Segurança do Tribunal de Justiça do Estado do Pará (TJE-PA) e não se intimida em permanecer à frente da condução de nenhum processo que chegue em suas mãos.

Parauapebas, 14 de setembro de 2016

CLEO LOPES
Presidente da Aicop

Deo Martins

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.