Um dos acusados sendo encaminhado para a delegacia. Investigação foi iniciada pela DRRB e DRCO (Foto: Via/WhatsApp)

Três policiais militares foram presos em flagrante acusados de envolvimento no assalto a agência do Banco do Estado do Pará (Banpará), de Bom Jesus do Tocantins, sudeste do Pará, na madrugada de ontem (10).

Junto com os militares outras três pessoas também foram detidas. Os policiais, sendo dois sargentos e um cabo, são lotados na cidade de Nova Ipixuna.

A equipe da Polícia Civil de Bom Jesus do Tocantins deu início às investigações que foram assumidas pela Delegacia de Repressão a Roubos a Bancos (DRRB) e Divisão de Repressão ao Crime Organizado (DRCO).

O advogado Genésio Queiroga Neto, da Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar, confirmou a prisão dos três militares.

Em relação ao auto de prisão em flagrante, dado o caráter sigiloso da investigação policial, a gente não vai se manifestar, mas de fato tem três policiais no CPR II em Marabá, mas que não cometeram delito algum, conforme vai ficar provado na instrução criminal”, defendeu.

O presidente da Associação de Cabos e Soldados da Polícia Militar, cabo J. Moraes disse que por volta de meia-noite foi acionado devido essa situação e acionou a assessoria jurídica. “A gente não vai se manifestar porque pode surgir algum fato novo e pode mudar o rumo da ação. Eu posso afirmar que são bons policiais militares, eu conheço a conduta de todos os três”, disse.

Ele informou ainda que um dos sargentos presos tem aproximadamente 28 anos nas fileiras da Polícia Militar e que está quase indo para a reserva. Enquanto, que o outro sargento tem uns 20 anos e o outro 15 anos de corporação.

ASSALTO

Cerca de seis homens fortemente armados e encapuzados atacaram na madrugada de terça-feira (10), a agência do banco Banpará de Bom Jesus do Tocantins. Os bandidos explodiram três caixas eletrônicos na área do autoatendimento e ainda tentaram explodir o cofre do banco, mas não conseguiram. O valor roubado não foi divulgado.

POLÍCIA MILITAR

A equipe de reportagem entrou em contato com a PM e através de nota informou que o Comando de Policiamento Regional (CPR) 2 da Polícia Militar, com sede em Marabá, já acompanha o caso da detenção de três policiais militares, sendo dois sargentos e um cabo, por suposto envolvimento na fuga de três criminosos que teriam participado do assalto, ocorrido ontem, à agência bancária.

Os militares, lotados em Nova Ipixuna, estão detidos na Superintendência de Polícia Civil de Marabá e devem passar por audiência de custódia ainda nesta quarta-feira, 11“, confirmou a PM.

Com informações de Alessandra Gonçalves/Diário do Pará

Comentários do Facebook