Governo Lula deve cassar licença de clubes de tiro

 Governo Lula deve cassar licença de clubes de tiro

Foto: legalmente armado

Um dos pontos de maior discussão no governo de transição é a licença para funcionamento de clubes de tiro e o livre acesso as armas, facilitado com o atual presidente Jair Messias Bolsonaro, mas que pode estar com os dias contados.

O coordenador de Segurança Pública do Governo de transição, senador eleito Flávio Dino (PSB-MA), estuda revogar decretos para iniciar um plano de desarmamento da população, a fim de conter o fluxo de armas de fogo para grupos criminosos e milicias. As informações são do Tribuna Hoje.

Dino voltou a criticar medidas adotadas pelo atual presidente, Jair Bolsonaro (PSL), que permitiu o armamento da população e por consequência, episódios de violência, como por exemplo, o atentado a uma escola, no Espirito Santo, fato ocorrido nesta semana que resultou em quatro mortos.

Temos em debate é como vai ser a regulamentação dos CACS (Caçadores, atiradores e colecionadores), em relação aos arsenais que foram adquiridos nesse período em que reinou o vale-tudo. Daqui para frente não há dúvidas de que as portarias, as normativas que foram editadas inclusive contrariando a lei, serão revistas”, adiantou o senador eleito.

Apesar do processo de desarmamento entrar na pauta, o governo Lula não irá tomar medidas drásticas e sim, controlar o acesso de armas a clubes de tiro e tomar outras providências que podem atingir os demais órgãos de segurança.

Dol com informações do Tribuna Hoje

Deo Martins