Crianças e adolescentes do município serão beneficiados com a assinatura de Termo e Convênio

 Crianças e adolescentes do município serão beneficiados com a assinatura de Termo e Convênio

A assinatura do termo de adesão do município a iniciativa Um Milhão de Oportunidades,1MIO, foi realizada na manhã desta terça-feira, 24, e vai beneficiar adolescentes e jovens de 14 a 24 anos nas categorias de aprendiz, estágio e emprego em situação de vulnerabilidade.

É uma articulação das Nações Unidas, governos, setor privado e da sociedade civil focados na criação de oportunidades nas áreas de educação de qualidade, conectividade, formação de competências digitais e participação cidadã, capacitação profissional e acesso ao mundo do trabalho.

Segundo André Reis, articulador do Selo Unicef em Parauapebas, explica que o Selo UNICEF, na edição 2021 – 2024 é dividido em eixos de resultados sistêmicos, indicadores de impacto social e participação cidadã. “Dentro do eixo de resultados sistêmicos, o município precisa alcançar o que diz respeito justamente a essas oportunidades de trabalho, formação profissional e aprendizagem para adolescentes e jovens de 14 a 24 anos”, afirma. E ainda, “o primeiro passo é justamente a adesão a iniciativa, que é uma grande rede de articulação entre governos estaduais e municipais e da iniciativa privada, entre instituições de aprendizagem e adolescentes jovens que vão contribuir para inclusão produtiva e o acesso ao longo do trabalho como uma das estratégias superar a vulnerabilidade social e econômica”, ressalta.

A Secretaria Municipal da Juventude (Sejuv), a única entre os 144 municípios do Pará, é a responsável local por esta iniciativa. “A assinatura do termo vem em um momento chave, em um momento muito especial. Ela vem agregar, a somar forças com todas as ações e projetos voltados à juventude, aos adolescentes da nossa cidade, como o Start, Qualificampo e outros que nós estamos construindo como caminho de grandes oportunidades. Parauapebas está mais do que nunca preparada para a assinatura desta iniciativa, está preparada para aderir ao 1MIO, um milhão de oportunidades”, comemora Yuri Sobieski, secretário da pasta.

O próximo passo será a qualificação de técnicos em cursos instrucionais ofertados pelo UNICEF para mobilização de adolescentes e jovens para a aprendizagem e para a inserção do mercado de trabalho.

A última etapa será oportunizar espaços de trabalho em três modalidades: aprendiz a partir de 14 anos, estágio a partir de 16 e trabalho decente, também a partir de 16 anos, dentro do poder público municipal ou através da iniciativa privada.

Convênio com a Fundação Vale

A Prefeitura também foi o local escolhido para a assinatura de convênio com a Fundação Vale. O instrumento vai ampliar as ações previstas através da ferramenta do Selo Unicef Busca Ativa Escolar. “Na realidade, nós estamos recebendo um gás para nossas ações. É um termo importante, a Fundação Vale tem expertise nessa área de buscar, de ajudar os municípios na região sudeste do país e nas áreas de atuação onde a Vale está presente”, destaca Luís Eustorgio, administrador do Gabinete.

O Programa Territórios em Rede busca identificar os principais desafios relativos ao desenvolvimento dos municípios, propondo um conjunto de ações que permitam garantir o enfretamento da exclusão escolar e realizar um diagnóstico dos desafios e a articulação de setores governamentais e não governamentais para o desenvolvimento de políticas e iniciativas nas diferentes áreas.

“É um programa estruturante da Fundação Vale na temática de educação, que vai trabalhar a Busca Ativa, responsável pelo mapeamento de crianças e adolescentes que estão fora da escola. Ou seja, a reinserção e a permanência dessas crianças e adolescentes no ambiente escolar”, enfatiza Marcus Finco, gerente de Territórios da Fundação Vale.

Em Parauapebas, além da prefeitura a empresa Komatsu também é parceira desta iniciativa.

Texto e fotos: Andréa Reis – Assessoria de Comunicação/PMP

Deo Martins