Exibição do artesanato, pintura corporal indígena, degustação de queijo de búfala e café de açaí. Os visitantes da 46ª Abav Expo Internacional de Turismo estão tendo a oportunidade de conhecer de perto a diversidade cultural e um pouco dos atrativos de Parauapebas, a Capital do Ecoturismo de Carajás. O evento que iniciou na quarta-feira, 26, segue até às 20 horas de hoje, 28, no Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo.
A expectativa do Departamento de Turismo (Detur) da Prefeitura de Parauapebas é a de receber três mil visitantes no estande, dentre os 23 mil esperados pela “vitrine turística”, a segunda maior feira das Américas. A experiência com outros roteiros, contatos e parcerias prometem atrair não só turistas como também investidores para Parauapebas, consolidando o município como um polo de visitação.
Os olhares dos visitantes denunciam enorme curiosidade sobre os produtos e serviços turísticos de Parauapebas. A estudante de engenharia civil Tatiane Souza mora em Campinas (SP) e ficou encantada com a experiência que teve no estande de Parauapebas. “Nossa, eu achei uma coisa muito bonita, diferente. É uma cultura muito rica. Conforme eles [expositores] vão te explicando e você vai conhecendo, você vai gostando ainda mais. Adorei o queijo de búfala, o café de açaí, tudo maravilhoso”, aprovou ela.
Para o guia de turismo Alexandre Rocha, de São Paulo, Parauapebas representa a diversidade do País. “Está sendo maravilhoso, principalmente por não ser um local que não é muito conhecido, eu acho. Me chamou muita atenção o nome, porque tenho um conhecido que já esteve lá e falou, e eu vim ver a curiosidade do local. Está sendo maravilhoso, principalmente a cerâmica de lá que tem sua característica única. Eu acho que representa muito a diversidade do Brasil”.
A cultura indígena é bem representada pelo casal Bep e Ngrei Xikrin, da aldeia Djudjêkô, da terra Xikrin do Cateté. Enquanto ele explica sobre a Rota, ela faz pintura corporal. “Eu tô achando bom, que tá mostrando a cultura indígena dentro de Parauapebas. É importante pra gente. Eu tô achando que é uma oportunidade para os Xikrins, pra eles também conhecerem como são as pessoas do turismo”, avaliou o cacique Bep Xikrin.
IMPORTÂNCIA
O coordenador do Detur, Marcos Alexandre, explicou a importância da participação de Parauapebas em eventos como este. “Toda cidade que pretende ter o título de polo turístico precisa se apresentar nas grandes vitrines. São várias feiras de turismo que acontecem durante todo o ano, mas a Abav é uma das principais. São nessas feiras que os municípios turísticos se consolidam. Entendemos que esse é o momento de apresentar Parauapebas ao Brasil e ao mundo. É o dinheiro público sendo bem investido. Estamos felizes em poder comemorar o Dia Mundial do Turismo (27 de setembro) aqui”, assegurou Marcos Alexandre.
PARCERIAS
A participação do estande de Parauapebas na Abav Expo 2018 é uma inciativa do governo municipal, por meio do Detur e do Conselho Municipal de Turismo de Parauapebas (Comtup), em parceria com a Cooperativa de Ecoturismo da Região de Carajás (Cooperture Carajás), Cooperativa Mulheres de Barro, Queijaria Cosa Nostra, Café de Açaí da Perina, Aldeia Djudjêkô, Tometur Turismo, MC Lobato, Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMbio), Coordenação Municipal de Uso Público da Floresta Nacional de Carajás e Vale.
Assessoria de Comunicação – Ascom | PMP

Comentários do Facebook