Duas pessoas morreram em uma colisão entre uma caminhonete Hilux, de placas JHP-3155, de Conceição do Araguaia, e um carro modelo Partner, da Peugeot, de placas NGB-3055. O acidente aconteceu por volta de 19 horas de ontem (8) na Rodovia Faruk Salmen, em Parauapebas.

De acordo com testemunhas, os veículos seguiam em sentido contrário quando aconteceu a colisão. O carro pequeno estava em direção à Parauapebas e a caminhonete no sentido Palmares. As causas do acidente estão sendo investigadas, mas existe a suspeita que os motoristas estariam sob efeito de bebida alcoólica, inclusive na carroceria da caminhonete tinha lata de cerveja.

Na batida morreram o motorista do Partner, Dione Gambel da Conceição de Sousa, de 29 anos, e José Ribeiro Brandão, de 49 anos, que vinha no banco de trás da caminhonete.

O motorista da caminhonete e a pessoa que vinha no banco do carona, que até agora ainda não tiveram os nomes divulgados, não teriam se ferido com gravidade. Segundo um homem, que não quis se identificar, ele chegou ao local 15 minutos após a colisão.

O motorista do carro pequeno estava jogado à beira da pista. Ao olhar dentro da caminhonete, viu outra pessoa morta, no banco de trás. O homem diz que o motorista do Partner teria passado o dia se divertido em um balneário localizado às margens da estrada do Salobo, onde ele também estava. Ele detalha que a vítima estaria muito alegre, inclusive antes de deixar o local ainda deixou pago para os amigos um balde de cerveja.

As causas do acidente serão investigadas pela 20ª Seccional de Polícia. Segundo testemunhas, após o acidente, os veículos teriam sido saqueados. Do carro de Dione, que estaria portando bastante dinheiro, tudo teria sido levado. Inclusive ninguém sabe, até agora, se ele foi arremessado do carro na hora da colisão ou se foram pessoas que o removeram de dentro do veículo, para retirar os pertences.  (Tina Santos – Correio de Carajás – com informações de Ronaldo Modesto)

Fotos via whatsapp