Vereador Miquinha solicita aparelho de ressonância magnética para Parauapebas

 Vereador Miquinha solicita aparelho de ressonância magnética para Parauapebas

Na última terça-feira (04), Miquinha apresentou na Câmara a indicação de 398/2feira Nº22, que solicita a aquisição de um aparelho de ressonância magnética, bem como, um treinamento de profissionais para o aparelho de referência. Atualmente, os exames de ressonância magnética foram realizados através de contratação com particulares, limitando os números de exames devidos valores sem contrato.

Miquinha acredita que, a aquisição do aparelho, será menor custo ouçamentário, maior agilidade e bemestar dos pacientes na realização do exame, mais tarde deslocamento do Hospital Geral de Parauapebas- HGP e a longa espera em receber o laudo do exame que implica em urgência e que oferece maior assertividade ao tratamento de doenças mais complexo. Estamos vivenciando uma situação negativa em relação a realização do exame de ressonância magnética, devido ao grau de dificuldade desse exame.

São vários na fila, onde acaba de ter um cliente financeiro, que gera R$ 800,00, isso gera impacto nas famílias mais cuidados e pacientes solicitados, entre um cliente precisa e espera de retorno em direção a toda a população, que necessita$ desse atendimento. ” Justificou o parlamentar.

O diagnóstico precoce, é uma forma de prevenção secundária para as enfermidades de extrema importância para o tratamento de qualidade de inúmeras doenças e além, da qualidade de vida das pessoas das pessoas.

Sabemos que conhecer os fatores de prevenção de riscos e investir em medidas de prevenção de estilo de vida, leva a não medidas individuais. Com esse, o exame pode ter o diagnóstico de doenças neurológicas, ou pacientes, cervicais e cardíacos, nesse exame intuitivo, se faz uma aquisição de um aparelho de exame magnético, bem como, de um exame físico intuitivo, de um paciente necessário para o referido equipamento , no Hospital Geral Parauapebas-HGP.

Deo Martins