VACINA COVID-19 Nota de Esclarecimento

 VACINA COVID-19  Nota de Esclarecimento

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) informa que foram detectados no Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização (SI-PNI) seis pacientes que supostamente tomaram a vacina com prazo de validade de fabricação vencida. Os lotes identificados são os 4120Z005 (14/04), 4120Z025 (04/06) E CTMAV501 (30/04).

Do lote 4120Z005, houve duas aplicações da vacina no dia 06 de junho, uma no dia 20 de junho e outra, em 22 de junho.

Do lote 4120Z025, houve uma aplicação em 17 de junho. E do lote CTMAV501, uma aplicação em 04 de junho.

Nesta sexta-feira, 2, a Semsa localizou quatro dos seis pacientes em domicílio e pode assegurar que o lote de registro das vacinas, nas carteiras, felizmente condiz com a data correta de validade, o que é possível afirmar que esses quatro pacientes foram devidamente imunizados contra a Covid-19. A secretaria continua tentando contato com os outros dois pacientes.

É importante esclarecer que o abastecimento das salas de vacinas das Unidades Básicas de Saúde ocorre de duas a três vezes por semana. E as doses, principalmente contra a Covid, são aplicadas quase que imediatamente após chegarem nas UBS.

Pelo o que a Semsa pode observar até o momento, há um erro nas datas de vacinação incluídas no Sistema de Imunização. Datas que não correspondem àquelas colocadas na carteirinha que cada pessoa recebe no ato da vacinação, que demonstram estar a dose dentro do prazo de validade.

Mediante isso, a Semsa entrará em contato com a Secretaria de Estado de Saúde do Pará (Sespa), para que sejam realizadas as devidas correções no sistema.

Para os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), a Semsa orienta para que procurem a Unidade Básica de Saúde mais próxima da sua residência para possíveis esclarecimentos.

Assessoria de Comunicação – Ascom/PMP

Deo Martins