Junta de Serviço Militar de Parauapebas realiza cerimônia de juramento à bandeira

 Junta de Serviço Militar de Parauapebas realiza cerimônia de juramento à bandeira

A cerimônia do juramento à Bandeira Nacional é um ato solene importante para o jovem militar, e que representa formalmente um compromisso com a Nação. Em Parauapebas, a solenidade de juramento foi realizada na manhã desta sexta-feira, 5, na Praça do Cidadão, onde reuniu autoridades e dezenas de cidadãos dispensados do serviço militar inicial.

O momento contou com a participação de representantes do 23º Grupamento Bombeiro Militar, da Polícia Militar, Banda de Música da Guarda Municipal, além do secretário de Segurança Institucional e Defesa do Cidadão, Denis Assunção, e o vice-prefeito João Trindade.

Em seu pronunciamento, Denis Assunção destacou a importância do compromisso à bandeira. “Este momento de dispensa de obrigação militar significa que vocês podem ser chamados para representar o nosso país, assim como eu posso ser chamado. E isso deve ser feito com dedicação. Nessa dispensa fica nítida a cidadania que as pessoas devem ter”, diz o titular da Semsi.

João Trindade, se mostrou feliz e agradecido por cada jovem presente. “A partir de agora, a responsabilidade aumenta, e temos consciência que todos estão preparados para a missão de honrar a pátria”, comenta o vice-prefeito.

Vinculada ao Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC), a 113ª Junta do Serviço Militar teve as formalidades suspensas por conta da pandemia da Covid-19 e agora, após quase dois anos, as solenidades voltarão a ocorrer periodicamente, sendo às quintas-feiras na unidade da Feira do Produtor e, toda sexta-feira, no SAC do Rio Verde.

O atendimento da Junta de Serviço Militar é realizado de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, nas duas unidades do SAC.

Compromisso previsto em lei

A solenidade de juramento à Bandeira Nacional está prevista no artigo 217 do Regulamento da Lei do Serviço Militar. No ato, o cidadão dispensado da prestação de Serviço Militar Inicial assume o compromisso de que se apresentará imediatamente em caso de uma convocação de emergência pelo Exército.

Texto: Joice Lima/Semsi – Fotos: Irisvelton Silva/Elienai Araújo – Assessoria de Comunicação/PMP

Deo Martins