ENGIE abre inscrições para 3ª edição do projeto Mulheres do Nosso Bairro

 ENGIE abre inscrições para 3ª edição do projeto Mulheres do Nosso Bairro

As mulheres formam o público mais afetado pela pandemia, devido à redução ou eliminação de suas rendas e pela escalada da violência doméstica. Os desdobramentos desse cenário também serão mais longos para elas. Considerando essa realidade, a ENGIE Brasil Energia, responsável pela implantação do Projeto Novo Estado, no Pará e no Tocantins, renova pelo terceiro ano o Edital Mulheres do Nosso Bairro, projeto que tem o objetivo de apoiá-las na superação dos desafios e favorecer a equidade de gênero.

Lançado em 2020, o programa reúne iniciativas para fomentar o empreendedorismo e a geração de renda. Nesta etapa, serão 35 iniciativas lideradas por mulheres contempladas em três diferentes categorias: Pequenos Empreendimentos, Cozinhas Comunitárias e Inovação Social. As duas primeiras serão focadas nas regiões onde a ENGIE possui ativos e a terceira terá abrangência nacional, ou seja, mulheres de qualquer lugar do país podem se inscrever.

A primeira categoria chamada Pequenos Empreendimentos vai contemplar 27 proponentes e será voltada a mulheres empreendedoras de qualquer segmento de atuação. Esses negócios receberão investimento de R$ 10 mil cada e consultoria do Instituto Consulado da Mulher, ação social da Cônsul, que é parceira do projeto desde o ano passado.

A segunda categoria, chamada Cozinhas Comunitárias, foi criada para fazer frente ao cenário de insegurança alimentar enfrentado pelo país. Serão selecionadas cinco cozinhas lideradas por mulheres que ofertem contrapartidas sociais em suas comunidades. Adicionalmente à premiação de R$ 25 mil para cada iniciativa, as cozinhas vencedoras receberão formação em gestão pelo Consulado da Mulher, eletrodomésticos doados pela Consul e doação de insumos alimentícios pela rede atacado varejista Fort Atacadista.

A terceira categoria, chamada Inovação, tem abrangência nacional e é voltada às iniciativas que pensam em soluções para o futuro, com fomento a três propostas de empreendimentos para inovação social. O apoio a cada proposta vencedora será de R$ 50 mil, com incubação e mentoria do Social Good Brasil, organização da sociedade civil (OSCIP) criada a partir de uma parceria com a Fundação das Nações Unidas, visando ao bem-estar social, através de tecnologias que gerem impacto socioambiental positivo.

Acreditamos no potencial das mulheres para superar a pandemia e seus desdobramentos. Mesmo diante de tantas dificuldades, vemos a força feminina se destacando com esforços individuais e coletivos para solucionar questões urgentes do presente, com impactos positivos também para o futuro. Confiamos que empoderar essas empreendedoras é uma das formas mais efetivas de causar impacto positivo nas comunidades que elas fazem parte, ao mesmo tempo em que potencializamos a equidade de gênero”, conta Luciana Nabarrete, Diretora Administrativa da ENGIE Brasil Energia.

O programa Mulheres do Nosso Bairro conta com outros eixos além do edital, por meio dos quais oferece cursos gratuitos de capacitação, informações sobre redes de apoio, ações de sensibilização e conscientização para combater a violência doméstica, além de iniciativas para suporte à saúde física e mental. Desde seu lançamento, já foram investidos mais de R$ 1,2 milhão, incluindo aporte direto a 60 pequenos empreendimentos, 3 multiplicadoras e a 73 nanoempreendedoras, em mais de 100 municípios de 18 estados.

As inscrições para o novo edital estão abertas entre 25 de outubro e 14 de novembro, pelo site www.mulheresdonossobairro.com.br, no qual as proponentes serão direcionadas para inscrição de seus projetos na Plataforma do PROSAS, em edital especialmente criado para essa oportunidade. A organização conjunta deste edital entre a ENGIE, o Consulado da Mulher, a Portonave, o Grupo Pereira – por meio de sua bandeira Fort Atacadista –  e o Social Good Brasil foi possível em razão da iniciativa Parcerias do Bem, programa estabelecido pela ENGIE com o objetivo de potencializar o alcance de ações sociais através do engajamento dos seus clientes.

Samara Batista – Gaby Comunicação

Deo Martins