Em Parauapebas, pai tenta agredir as filhas e mata homem por engano

 Em Parauapebas, pai tenta agredir as filhas e mata homem por engano

Deyvison teria sido confundido com um terceiro, que se envolveu em uma confusão com o suspeito ao impedi-lo de agredir as duas filhas

Deyvison Charles Rios da Silva foi morto na madrugada desta segunda-feira, 21, por volta de 1h40, após ser confundido com outro homem, que teria impedido o suspeito de agredir as filhas. O caso aconteceu na Rua Jerusalém, em Palmares II, zona rural de Parauapebas.

De acordo com informações fornecidas pela família e pela Polícia Civil, o suspeito de prenome “Valmir” se envolveu em uma confusão com um terceiro – que não foi identificado – ao ser impedido de agredir suas duas filhas.

Irritado com a situação, ele teria ido em casa e pego uma arma de fogo. Quando voltou ao local, disparou uma vez contra a cabeça de Deyvison, acreditando ter sido a mesma pessoa envolvida na confusão anterior. O homem morreu no local.

Depois do homicídio, voltou em casa, onde declarou ter “feito besteira” e afirmou que fugiria para a zona rural. A Polícia Militar foi acionada para atender a ocorrência, mas apenas preservou o local do crime para a posterior remoção. O caso segue sob investigação da Polícia Civil.

Clein Ferreira – com informações de Ronaldo Modesto e Evangelista Rocha – Correio de Carajás

Deo Martins