Cidade Igualdade abre inscrições para 1.260 vagas em cursos profissionalizantes para mulheres

 Cidade Igualdade abre inscrições para 1.260 vagas em cursos profissionalizantes para mulheres

Após realizar rodas de conversa com mulheres em 17 bairros e vilas da zona rural de Parauapebas para saber quais profissões elas gostariam de aprender, o programa Cidade Igualdade da prefeitura abriu processo seletivo para 21 cursos de qualificação profissional dos projetos “Elas podem mais” e “Florindo o Mundo”, conduzidos pela Secretaria Especial de Governo (Segov).

As inscrições são on-line e devem ser feitas até o dia 21 de agosto deste ano pelo link https://parauapebas.pa.gov.br/cidadeigualdade/ . A divulgação do resultado das alunas selecionadas será no dia 24 de agosto, quando serão iniciadas as matrículas para os cursos, que são totalmente gratuitos.

As aulas começarão dia 29 de setembro deste ano. Serão três meses de aprendizado com instrutores do Senai. As vagas foram distribuídas pelas zonas urbana e rural de Parauapebas, de acordo com a localização dos 19 polos onde os cursos serão realizados.

Entre os cursos, os de operadora de equipamento de mina, mecânica de manutenção industrial, assistente de controle de qualidade, operadora de computador, operadora de empilhadeira e de retroescavadeira, almoxarife, produtora de plantas ornamentais, pedreira de alvenaria, UX/UI Designer e planejadora de gestão de projetos.

Esta será a segunda turma a ser formada pelo Cidade Igualdade, desta vez com um salto expressivo no número de vagas ofertadas.

Atenção, candidatas: leiam o edital

Para saber todos os detalhes do processo seletivo, é muito importante que as interessadas leiam o edital com atenção, o que irá facilitar para elas no ato da inscrição. No edital, estão especificados os 21 cursos, os locais onde serão realizados (escolas municipais, associação e centro comunitário) e os horários bem como os critérios para as inscrições e seleção das candidatas.

Para acessar o edital, CLIQUE AQUI.

Para se inscrever, é simples!

Ao acessar o sistema “Estação Mulher” pelo link https://parauapebas.pa.gov.br/cidadeigualdade/, as mulheres irão encontrar um tutorial para saber como se inscrever nos cursos, criados principalmente para as mulheres de baixa renda e/ou em situação de vulnerabilidade social. Todo o processo de inscrição e seleção será realizado em quatro etapas, mas é bem simples.

Texto: Hanny Amoras – Imagem: Ascom/PMP

Deo Martins