Joel do Sindicato propõe criação de programa de apoio a escritores e instalação de posto de atendimento da Receita Federal

 Joel do Sindicato propõe criação de programa de apoio a escritores e instalação de posto de atendimento da Receita Federal

Com duas indicações apresentadas na sessão da Câmara Municipal desta terça-feira (24), o vereador Joel do Sindicato (PDT) sugeriu que a prefeitura crie um programa de apoio aos escritores de Parauapebas (Indicação nº 526/2021) e celebre convênio com a Receita Federal para que seja implantado um posto de atendimento do órgão no município (Indicação nº 527/2021).

Apoio a escritores

Na indicação para este pleito, o vereador reconhece que Parauapebas tem muitos talentos na literatura, alguns ainda no anonimato, que carecem do suporte público para terem suas obras publicadas e divulgadas.

Com a implantação de projetos de apoio aos escritores locais, os projetos culturais vão gerar criticidade e levar ao desenvolvimento sociocultural da sociedade parauapebense, visto que a literatura é uma fonte poderosa e essencial para uma evolução saudável e analítica do coletivo, que questiona e busca respostas”, destaca o parlamentar.

Joel do Sindicato explica que a proposta visa, também, instituir o “Prêmio Literário Carajás”, revelando e divulgando novos valores literários; transformar a atual Biblioteca Municipal em “Casa do Escritor Parauapebense”, conservando as suas atuais funções públicas; firmar convênios com editoras, para auxiliar na edição e publicação de obras literárias locais; dialogar com a Secretaria Municipal de Educação para implantação de medidas que importem na valorização e leitura da literatura local em sala de aula de cada escola componente da rede pública de ensino; e promover campanhas publicitárias de amplo alcance municipal que se ocupe do incentivo e valorização da literatura local.

Posto da Sefa

Ao solicitar a instalação de um posto de atendimento da Receita Federal em Parauapebas, o vereador justifica que são muitos os benefícios de se ter representação da repartição pública no município, pois excluiria a atual necessidade de interessados se deslocarem ao município de Marabá para dirimir sobre quaisquer questões que dependam de contato presencial com o referido órgão federal.

Outro fator preponderante apontado por Joel do Sindicato é o fato de Parauapebas ser responsável por um volume considerável de arrecadação de tributos para o Estado do Pará e União.

Dada a nossa importância e desempenho arrecadatório, a implantação de um posto da Receita Federal do Brasil na cidade só contribuirá para facilitar o desempenho e a vida das pessoas físicas e jurídicas em nosso município, visto que é da Receita Federal a responsabilidade da administração dos tributos federais e situações a eles relacionadas”, enfatiza o legislador.

Depois de serem lidas em plenário, as duas indicações foram aprovadas por
unanimidade, e agora elas serão encaminhadas para análises do governo municipal.

Texto: Waldyr Silva / Fotos: Felipe Borges / AscomLeg2021

Deo Martins