Trailler roubado em Parauapebas é recuperado pela Polícia Civil do Tocantins

 Trailler roubado em Parauapebas é recuperado pela Polícia Civil do Tocantins

Um Trailer que funcionava como lanchonete e que havia sido furtado na frente de uma faculdade, em Parauapebas, no estado do Pará, no dia 19 de dezembro de 2020, foi recuperado na noite de sábado, 20, em Palmas, por meio de uma ação policial deflagrada por policiais civis da Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos Automotores (DERFRVA), sob o comando dos delegados Rossílio Souza Correia e Anderson Casé.

Denominada de operação “Trailer Food”, a ação policial teve início assim que os policiais civis da Unidade Especializada obtiveram informações de que o veículo furtado no Pará poderia estar em Palmas. “Tão logo tomamos conhecimento sobre o fato, começamos as investigações e, na noite do sábado, conseguimos localizar o trailer que havia sido repintado e estava sendo utilizado com ponto de venda de açaí, na Avenida Palmas Brasil Norte”, ressalta o delegado Rossílio.

De acordo com as informações apuradas pela Polícia Civil, a vítima utilizava o trailer como ferramenta de trabalho na frente de uma faculdade para obter o sustento de sua família, sendo que o mesmo foi subtraído à noite com a utilização de um guincho. No momento do furto, os dois autores ao serem indagados, alegaram que haviam comprado o veículo e por isso estavam retirando o bem.

O furto do trailer gerou muita comoção em Parauapebas, devido ao fato de a proprietária do bem ser pessoa muito conhecida e querida na cidade, bem como pelos apelos feitos pela vítima e também por dezenas de clientes nas redes sociais para que o veículo fosse restituído.

Desse modo, com o aprofundamento das investigações, o bem foi localizado e levado para a sede da DERFRVA, onde será periciado e devolvido para sua verdadeira proprietária, que, inclusive, já foi avisada e virá a Palmas para reaver o trailer.  Segundo o delegado Anderson Casé, o veículo havia sido repintado e teve suas características originais adulteradas para não levantar suspeitas de que era furtado.

Importante ressaltar que o indivíduo que tinha a posse do veículo não foi encontrado no local, mas compareceu posteriormente a Delegacia, onde foi ouvido e explicou que pegou o trailer de uma terceira pessoa, não sabendo que se tratava de um bem furtado”, frisou a autoridade policial.

Porém, segundo o delegado Rossílio Correia, as investigações serão aprofundadas para que a Polícia Civil possa identificar os autores do furto, os quais serão responsabilizados na forma da lei. O Delegado também mencionou a satisfação de poder encontrar o bem e devolvê-lo à sua dona. “A ação realizada trouxe imensa satisfação a todos os policiais que dela participaram, uma vez que o trailer era o objeto de trabalho da vítima e também seu ganha pão”, disse o Delegado.

As investigações terão continuidade para que a Polícia Civil possa apurar com clareza todas as circunstâncias do caso e também a versão apresentada pelo homem que se apresentou como sendo o proprietário do trailer.

Fonte: Agência Tocantins

 

Deo Martins