Foto: Mauro Ângelo

A Secretaria de Estado de Transportes (Setran) inicia, a partir das 9h desta quarta-feira (10), a inspeção do fundo do rio Moju com mergulhadores para início da retirada dos destroços da balsa e da ponte, após o acidente ocorrido no último sábado.
Emergencialmente, será feito o deslocamento, para outra área do rio, de 1.500 mil toneladas de escombros. O objetivo é a liberação do local onde será construída a nova ponte. A retirada total dos escombros, que somam quase 3 mil toneladas, deve durar 4 meses.
No local também estará a balsa na qual será montado o guindaste e demais equipamentos que auxiliarão na remoção e retirada dos escombros.
Reportagem: Agência Pará

Comentários do Facebook