Na manhã desta quarta-feira (26), Kelvi Pereira Serra, de 29 anos, foi encontrado morto na rua Céu Azul, em uma área de invasão, nas proximidades do bairro Betânia em Parauapebas.
Kelvi estava no alto de um morro, e foi encontrado deitado de bruços e foi constatado que o mesmo teria recebido várias pedradas na cabeça.
De acordo com o Sr. José Feitosa, padrasto da vítima, Kelvi era uma pessoa de bem e nem no carnaval teria ido. Ele ficou aqui por perto mesmo, bebendo num barzinho.
“Fiquei surpreso quando uma pessoa foi me avisar logo cedo que o Kelvi estava morto”.
Uma equipe da Polícia Civil esteve no local e o corpo foi removido pelo IML.