Foto: Divulgação SUSIPE

Na tarde do ultimo domingo (3), 19 presos do CRAMA – Centro de Recuperação Agrícola Mariano Antunes, em Marabá.

Depois de dominarem e fazerem um Agente Prisional como refém, os presos escalaram as grades da cela e logo em seguida pularam o muro que dá acesso a área externa do presidio.

Dois dos presos estavam armados e houve troca de tiros com um Agente Prisional.

Com a chegada do Grupo Tático por volta das 17h30, a rebelião foi controlada e, a Policia Militar está a procura dos foragidos.

Na manhā desta segunda-feira(4), Policiais do Grupo Tático conseguiram recapturar o preso conhecido como “Redençāo” e o encaminhou de volta para o presídio.

A Diretoria do CRAMA divulgou uma declaração e uma lista com os nomes dos foragidos.

O documento informa que das 17h30 às 22h30, 14 policiais militares do Grupamento de Polícia e do Grupamento Tático deram apoio aos agentes prisionais na tentativa de controlar a rebelião e recapturar os presos. E também confirma a fuga de 19 detentos, pertencentes aos Pavilhões A e B, Forte 1 e 2, e Marcenaria Semiaberto. Foi repassado na declaração que policiais utilizaram arma não letal, porque detentos da cela cinco do Pavilhão B fizeram um agente prisional de refém.”

Ari Reinaldo Pinto Batista

 Caio Adriano da Rocha Silva

 Gabriel Sousa da Silva

Paulo Henrique Pereira de Almeida

Cristoph da Silva Lopes

Daniel Lopes dos Santos

Francisco Danilo Pereira dos Reis

Geovane da Silva Assunção

Savio Silva Lima

Wanderson Ferreira Silva

Fabiano Feitosa Sousa

Renan Araújo do Nascimento

Jonata de Sousa

Paulo Henrique de Freitas Mendes

Eugilson da Silva Costa

Ronivon Araújo do Nascimento

Melque Henrique Silva

Ronan Aladim Alves

Felipe Chagas dos Santos