O pré-candidato à presidência Jair Messias Bolsonaro, do PSL, foi recepcionado no início da tarde desta quinta-feira (12), por centenas de simpatizantes e correligionários, no Aeroporto João Corrêa da Rocha, em Marabá, no sudeste paraense. Do lado de fora, no estacionamento, estava um trio elétrico, aonde o pré-candidato falou com o público. “Esse gigante estado não pode continuar sendo explorado, saqueado. Sabemos que aqui exploram tudo e fica o buraco para vocês”, disse Bolsonaro.

Durante o discurso, ele também chegou a falar sobre as invasões de terra na região e atacou o Movimento Sem Terra (MST). Após sair do aeroporto, o presidenciável seguiu em carreata até a Colônia de Pescadores Z-30, na orla do rio Tocantins, na Marabá Pioneira, onde ocorreu um segundo ato. De noite, ele seguiu para um jantar reservado, promovido pelo Sindicato dos Produtores Rurais, com a presença de comerciantes, produtores rurais e empresários da região.

Nesta sexta-feira (13), o deputado federal estará em Parauapebas, onde vai ministrar uma palestra pública sobre os desafios, impactos socioambientais e as perspectivas do setor mineral na região de Carajás. Antes, porém, está prevista uma manifestação de apoio promovida pelos movimentos de direita local, com carreata prevista para sair, às 9h30, da portaria de acesso à Carajás até o clube Bahamas (antigo Boliche), local do evento.

Reportagem:Alessandra Gonçalves/ De Marabá

Comentários do Facebook