Curionópolis terá pela primeira vez na sua história uma prefeita, com a eleição de Mariana Chamon (MDB) no último dia 15, com 47,94% dos votos válidos. A vitória dela já era esperada e foi construída com muito cuidado, garantindo a completa interação da então candidata com a população. Ela dedicou os últimos anos a entender a realidade prática dos moradores e os problemas que eles sonham ver resolvidos pela Prefeitura, diante de uma atual gestão que tem sido caótica, principalmente no atendimento à saúde pública.
Mariana denunciou, durante a sua campanha, a desassistência às mulheres grávidas e a inúmeras famílias que dependem em muito do serviço público nas mais diversas áreas. A percepção de que a candidata realmente se importava e tinha projetos sérios e inovadores, tornou a campanha imensamente popular. O resultado não poderia ser diferente.
RESULTADO
A jornalista Mariana Chamon (MDB) é a prefeita eleita de Curionópolis com 6.277 votos, contra 4.971 votos do segundo colocado, o atual prefeito Adonei Aguiar (DEM), conforme estava previsto em todas as pesquisas publicadas ao longo do período eleitoral. A futura gestora recebeu a notícia da sua vitória em casa, de onde acompanhou a apuração, juntamente com o esposo, o deputado estadual Chamonzinho.
Em seguida, ela saiu em carreata pelas ruas da cidade em comemoração ao resultado histórico.
Mariana tem um destacado trabalho social em atendimento as camadas mais carentes da população, do período que esteve à frente do Instituto Miguel Chamon. Tal trabalho lhe deu um conhecimento apurado das mazelas que a comunidade enfrentou nos últimos anos, sobretudo na carência do sistema municipal de saúde. Esse fator foi fundamental para a vitória, diante da revolta da população com a desassistência, além dos seguidos escândalos no governo municipal, com operação policial na casa do prefeito Adonei e o seu afastamento determinado pela Justiça durante longo período.
A agora prefeita eleita Mariana Azevedo Chamon é filiada ao MDB e concorreu pela coligação “Trabalho e desenvolvimento”, formada também pelos partidos: PL e AVANTE. Ela é casada, tem duas filhas, e é formada em Jornalismo. O vice-prefeito eleito é o pastor José Antônio, também do MDB.
Compareceram às urnas 13.546 eleitores, contra 3.516 que representam as abstenções, ou 20,61%.
VEREADORES
Os vereadores eleitos foram: Adriana Gomes da Silva (DEM) – 1.006 votos; Alberto Junior Araujo Lopes (MDB) – 742 votos; Wilame Pedroza Santos (PSDB) – 609 votos; Magno Araujo Santos (MDB) – 576 votos; Jocenilde Oliveira da Silva (MDB) – 471 votos; Adolfo Silva Junior (MDB) – 454 votos; Alexandre Pereira dos Santos (PL) – 350 votos; Josiel de Oliveira Barbosa (Avante) – 329 votos; Osmazir Ferreira da Silva Junior (PSDB) – 317 votos; Francisco Aderbal de Oliveira (DEM) – 275 votos; João Paulo Souza Araujo (DEM) – 271 votos.
Da Redação – Correio de Carajás