A vítima estava dormindo no momento do ataque. Foto: Reprodução

Um homem foi brutalmente atacado e teve o pênis cortado pela esposa após ele se recusar a fazer sexo com ela. De acordo com o site omeionorte.com, o ataque foi impulsionado porque a vítima queria fazer com que a esposa parasse de beber, dando-lhe uma lição com negação de sexo.
o crime aconteceu no Uruguai, onde a vítima foi identificada como Moses Okot. Durante as agressões ele acabou tendo o pênis brutalmente amputado pela esposa embriagada.
Em entrevista, Okot explicou, que ele estava dormindo no momento do ataque e acordou depois de sentir “um pouco de dor” ao descobrir que suas calças estavam molhadas de sangue.
A suspeita foi identificada como, Beatrice Acen, de 35 anos, que fugiu da cena do crime, até o momento ela permanece em liberdade.
O governador da aldeia, onde a vítima mora, informou a imprensa que não foi a primeira vez que o homem foi agredido por sua esposa. Segundo o governador, no ano passado, ela quebrou a clavícula do marido em uma briga e fugiu, ele acrescentou ainda que o caso foi resolvido e o casal fez as pazes.
Reportagem: Dol

Comentários do Facebook