Genis foi preso em flagrantes pelos crimes/Foto: Polícia Militar

Foi preso em flagrante pela Polícia Militar Genis Sousa de Sousa, de 32 anos, acusado de matar a facada Nathalia Caroline Duarte Barbosa, de 26 anos, e deixar ferida a companheira dela, Luciene da Silva Ferreira, de 22 anos. Os crimes aconteceram em uma casa na Rua Humberto Campos, no Bairro Caetanópolis, em Parauapebas.
De acordo com a Polícia Militar, na madrugada de hoje (quinta), por volta de 1h30, foi informado ao Centro de Comando Operacional (CCO) um caso de esfaqueamento no Bairro Caetanópolis. Uma guarnição foi enviada ao local e chegando lá os policiais já encontraram uma mulher morta e outra ferida. O autor dos crimes tinha fugido do local.
A guarnição solicitou resgate do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para socorrer a mulher ferida e informou à Polícia Civil sobre o homicídio, para que fosse solicitada a perícia do local de crime e remoção do corpo.
Segundo informações obtidas no local, o trio seria usuário de drogas e a confusão teria sido gerada por conta do roubo de um celular. Houve desentendimento entre Genis e as mulheres, que eram um casal, e a briga resultou no duplo esfaqueamento.
Ninguém sabe ainda quem pegou a faca primeiro. Durante a briga, Nathalia foi atingida com várias perfurações e a companheira ferida nas pernas e braços. Genis também ficou machucado.
Segundo a Polícia, com base nas informações colhidas no local, a guarnição seguiu em diligência e conseguiu encontrar e prender Genis em flagrante. Ele foi ouvido esta manhã pelo delegado Dufrae Abade e já está à disposição da Justiça.
Reportagem: Tina Santos – com informações de Ronaldo Modesto – Correio de Carajás

Comentários do Facebook