Uma bebê de 3 meses de vida foi vítima de um crime bárbaro. A criança foi espancada, estuprada e morta. Os pais da menina, uma mulher de 31 anos e um homem de 37, são os principais suspeitos de cometer o crime. O caso ocorreu em Autazes, no Amazonas.
O caso veio à tona após os pais da criança levarem a menina a um hospital da cidade. No local, eles alegaram que ela havia sofrido uma queda. Porém, após uma avaliação da equipe médica, foram constatados diversos hematomas pelo corpo da bebê, confirmando o crime de maus-tratos. Apesar do atendimento, a menina não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade de saúde.
Segundo o laudo médico, a criança morreu de traumatismo craniano. Além disso, exames comprovaram que ela teve o hímen violado, confirmando a violência sexual.
Os pais da criança foram presos como principais suspeitos de cometer o crime. Eles devem responder por homicídio qualificado.
Fonte: DOL – com informações do CM7 – Foto: reproduçāo