Diferente do que houve na classificação do Tapajós antea eliminação da Tuna, a experiência pesou no embate entre São Francisco e o estreante na competição, Atlético Paraense. Depois de amargar uma derrota no primeiro jogo da decisão, por 1 a 0 dentro do Rosenão, em Parauapebas, o Atlético Paraense voltou a ser derrotado pelo Leão franciscano e deu adeus à competição
A decisão foi realizada na tarde do domingo (11), no Mangueirão, em Belém, e, antes mesmo de o CAP tentar pressionar os santarenos, aos cinco minutos do primeiro tempo, o atacante Chaveirinho, de falta, conseguiu abrir o placar. Na cobrança, a bola desviou na barreira e saiu do raio de ação do goleiro Roger Kath.
O CAP foi para o abafa para tentar o empate, mas acusou ter sentido o gol e pouco produziu. Melhor para o São Francisco, que administrou a vantagem e ainda contou com Elielton – o autor do gol da vitória no primeiro jogo – para fazer mais um. O lance foi aos 41 minutos do segundo tempo. Dois minutos depois, Kaká ainda descontou para o time de Parauapebas, mas só para constar na lista de artilharia.
Após a classificação, o São Francisco aguarda o sorteio dos próximos confrontos, da fase semifinal, que ocorrerá na tarde de segunda-feira (12), na sede da Federação Paraense de Futebol. Além do Leão, o Tapajós, o Pinheirense e o Paraense fecham o grupo de semifinalistas. Quem passar desta fase já garante a vaga no Parazão 2019 e decidirá o título da Segundinha.
Reportagem: O Liberal

Comentários do Facebook