O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) deve a qualquer momento divulgar a abertura de novo edital para a abertura do concurso público. Os representantes da Fenasps fizeram uma reunião no mês passado com o presidente do INSS, Edison Garcia, afim de discutir sobre as condições dos servidores e a realização de novo certame do órgão. Na reunião ficou decidido que a Federação vai entrar com o pedido de abertura para a realização do certame no Tribunal de Contas da União (TCU).
De acordo com o secretário de Administração da Fenasps, Moacir Lopes, afirmou que na reunião que a realização do novo concurso publico já está na pauta da presidência e que as vagas serão destinadas apenas às agências que apresentam um déficit maior de servidores. Ainda não há informações de quando vai acontecer uma votação para liberação de verbas orçamentárias para realização do concurso.
O Ministério do Planejamento informou em um ofício publicado no dia 23 de agosto deste ano dando um parecer sobre os critérios para autorização ou não do certame, nas análises feita para a autorização de concursos públicos, são considerados aspectos variáveis. Entre eles está a necessidade atual e futura do órgão e a situação atual do INSS, já que a um déficit de 16 mil servidores, já considerando aposentadorias previstas.
O INSS enviou uma nota técnica ao Ministério do Planejamento solicitando o preenchimento de 10.468 vagas para candidatos de nível médio e superior. Do total, 7.888 vagas são para a abertura do concurso público do INSS. E as 2.580 vagas restantes foram solicitadas para chamada de aprovados do concurso anterior, o que acabou não acontecendo.
Os cargos mais cobiçados do órgão é o de analista, com remuneração de R$ 7.954,09, enquanto que o perito Médico tem ganhos de R$ 10.616,14 mensais. Os salários já contam com o auxílio-alimentação de R$ 458. Os pedidos estão em processo de análise, junto ao Ministério do Planejamento e poderá sair no inicio do ano que vem! Aguardem!
Fonte: DOL

Comentários do Facebook