O Ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, acompanhado pelo deputado federal José Priante (PMDB) e outras autoridades, visitou no final da tarde desta segunda-feira (12) as áreas atingidas pela enchente do Rio Parauapebas. O ministro anunciou que vai agilizar a liberação de recursos federais para o município, que já decretou situação de emergência.

A visita já fazia parte da agenda do ministro, mas foi antecipada por causa das fortes chuvas que castigaram o sudeste paraense. As chuvas que começaram com mais intensidade em fevereiro fizeram grandes estragos em várias cidades da região.

Entre as mais afetadas, além de Parauapebas, está o município de Xinguara, onde a água isolou um trecho da BR-155, que dá acesso a cidade. Helder Barbalho afirmou na próxima quarta-feira, 14, irá homologar a situação de emergência agilizara liberação de recursos. “Assim vamos poder colaborar com um plano de restabelecimento para que possamos ajudar as pessoas que estão sofrendo nesse momento e também na reconstrução de estradas e pontes que possam ter sido destruídas e no remanejamento de famílias que estão em áreas de risco. Cumprindo assim, com nossa obrigação de garantir segurança, já que a Integração Nacional é o órgão responsável pela Defesa Civil“, frisou o ministro.

O deputado federal José Priante destacou a resposta rápida dada pelo governo federal, na figura do ministro Helder Barbalho, nas ações emergenciais para atender os municípios afetados pelas enchentes, como é o caso de Parauapebas. Ele ressaltou que essa parceria entre União e municípios vai possibilitar a solução definitiva de algumas situações críticas, como é o caso das famílias que moram na área de Palafita, no centro de Parauapebas.

Já foi traçado todo plano de atendimento e as famílias serão remanejadas desta área [Palafitas] para um local com toda infraestrutura, de forma definitiva”, frisou Priante, que durante a vista entregou um castramóvel, adquirido com emenda parlamentar, para a ONG Anjos de Pata de Parauapebas, que atende animais de rua.

Com o apoio federal, o prefeito Darci Lermen, que acompanhou a comitiva do ministro, anunciou que até o dia 10 de maio desde ano, no aniversário de Parauapebas, vai entregar o documento de posse das casas para onde as famílias que ocupam as Palafitas serão remanejadas. Darci afirmou que espera depois da remoção das famílias, a área não seja mais ocupada.

Tina Santos – Correio de Carajás – Fotos: Matheus Costa