No último dia 6 de abril, o médico Carlos Augusto Estorari, 48 anos de idade da cidade de Parauapebas, sentiu os sintomas do coronavírus e foi internado com suspeita da Covid-19.
Dr. Carlos ficou internado 10 dia na UTI da Intensicare e devido a uma piora em seu quadro clínico veio a óbito na tarde desta quinta-feira (16).
O médico trabalhava como plantonista no Pronto Socorro Municipal, no Hospital Geral de Parauapebas, e também no Hospital das Clínicas de Parauapebas.
A SEMSASecretaria Municipal de Saúde de Parauapebas, afirmou que essa foi a terceira morte causada pelo Covid-19 na cidade.
N último dia 10 de abril, um homem de 42 anos foi a primeira vítima fatal em nossa cidade. No dia 13, um senhor de 72 anos foi a segunda vítima e hoje tivemos mais esse óbito em nosso município.
A Prefeitura Municipal de Parauapebas e a Associação Médica de Carajás emitiram uma nota de Pesar
Nota de pesar da Prefeitura de Parauapebas
É com profundo pesar que a Prefeitura de Parauapebas comunica o falecimento do médico Carlos Augusto Estorari, servidor público do município de Parauapebas desde 2007. Ele atendia no Pronto Socorro Municipal e também no Hospital Geral de Parauapebas (HGP).
O servidor estava internado desde o dia 6 de abril em Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e veio a óbito nesta quinta-feira (16) depois de lutar bravamente contra a Covid-19. O resultado positivo para a doença foi divulgado no Boletim Epidemiológico do município publicado no dia 10 de abril.
Carlos tinha 48 anos e era noivo. O governo municipal lamenta a perda do profissional, cidadão, filho e amigo que Carlos era e se solidariza com familiares e amigos neste momento de luto.
Assessoria de Comunicação – Ascom PMP
Nota de Pesar da Associação Médida de Carajás