Foto: Reproduçāo/Facebook

A imagem de duas índias venezuelanas bebendo cerveja em um bar de Manaus (AM) viralizou na internet e dividiu opiniões.
Segundo portais de notícias da capital do Amazonas, as mulheres são conhecidas por pedirem dinheiro nos semáforos da cidade.
Entretanto, há quem diga que a história não é bem assim e que as mulheres trabalham vendendo artesanato e que estariam bebendo com o próprio dinheiro.
Tem político Brasileiro que viaja, come, dorme e fode a vida da gente às custas do nosso dinheiro, porquê as venezuelanas coitadas não podem numa vez na vida tomar um gole de cerveja pra esquecer os problemas?”, comentou um internauta após o DOL publicar a imagem.
O engraçado é que naturalizaram o papudinho das ruas tomar sua cachacinha com o dinheiro que dão, mas com as mulheres venezuelanas é esse deus nos acuda. Ora, vão plantar coquinho”, argumentou outra.
A próxima vez que esbarrar com um deles, dou dinheiro pra comprar um litrão. A vida não tá fácil, irmão“, disse outro.
Em apoio às mulheres, internautas chegaram a criar um evento no Facebook chamado “Dia de Comemorar com as Warao”. Até a noite desta terça-feira (14), já haviam 108 internautas confirmados e 118 interessados.
Depois de muitos julgarem que as Warao não tem direitos de comemorar a vida, suas vendas, seu trabalho ou apenas seu momento de alegria, vamos marcar uma cervejinha apenas pra quem acredita que a vida tem que ser celebrada! Todos os apoiadores de uma cerveja gelada estão convidados!”, diz a descrição do evento.
A página do evento informa ainda sobre o trabalho do grupo Venezuelanos Belém e divulga o perfil no Instagram (@venezuelanosbelem) onde podem ver que muitas já trabalham e não precisam mais pedir esmolas.
Fonte: DOL

Comentários do Facebook