Quem precisou de atendimento esta semana na agência do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) de Parauapebas teve que voltar para casa, sem saber quando poderá ser atendido. É que a agência está desde o último dia 11 (sexta-feira) sem energia elétrica e, por conta disso, com o atendimento suspenso.
Esse tem sido um problema constante na agência, que atende não só Parauapebas, mas outros municípios da região de Carajás. O prédio alugado no Bairro do Rio Verde está em péssimo estado de conservação, inclusive com mato nascendo na faixada.
Enquanto isso, as obras do prédio próprio da agência, no Bairro Jardim Canadá, se arrastam há mais de três anos, sem prazo para conclusão. O órgão, que tem grande demanda diária, é sinônimo de transtorno para quem precisa de atendimento.
Esta semana, devido à falta de energia, quem madrugou em busca de atendimento ficou revoltado ao ser informado, em uma recepção escura, que não tinha energia e os serviços estavam suspensos.
Algumas pessoas conseguiram fazer agendamento, manualmente, para data hipotética, porque nem os funcionários sabem quando a energia será restabelecida. No local, nenhum servidor fala sobre o assunto, por orientação da direção do órgão, para informar qual o motivo da falta de energia e não se sabe se foi por corte por falta de pagamento ou problemas na instalação elétrica.
Reportagem: Tina Santos – Correio de Carajás