A Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) informou à OMS (Organização Mundial da Saúde) que detectou um caso de doença respiratória provocado por uma variação do vírus influenza A H1N2, que é transmitido de porcos para humanos e tem potencial pandêmico. A infecção ocorreu em uma mulher de 22 anos, no mês de abril. Ela mora na cidade de Ibiporã, no Paraná e já está recuperada.
Segundo a virologista Marilda Siqueira, chefe do Laboratório de Vírus Respiratórios e Sarampo da Fiocruz a descoberta dessa variação do vírus no país não é preocupante. “Até o momento não foi confirmada a transmissão entre humanos do influenza A H1N2. Além disso, como o vírus se originou de mutações de outras cepas que já circularem aqui, grande parte da população possuí anticorpos que servem de proteção contra ele“, explicou Siqueira.
Fonte: UOL